ROCK OITENTISTA

Loading...

domingo, 22 de maio de 2011

"DOLLAR"


Dollar foi um duo pop do Reino Unido, formado por David Van Day e Thereza Bazar.
A dupla foi sucesso na década de 1970 e 1980.

"JIM DIAMOND"


Jim Diamond (Glasgow, Escócia, Reino Unido, 28 de Setembro de 1953- )
é um músico e cantor escocês.
Diamond é mais bem conhecido pelos seus grandes sucessos comerciais: I Won't Let You Down (1982) como líder do trio Ph.D., com Tony Hymas e Simon Phillips e a sua canção a solo I Should Have Known Better. Esta última canção, uma balada editada em 1984 obteve um enorme sucesso, não só no Reino Unido (onde foi nº1) como em toda a Europa e no resto do mundo. Outro seu sucesso foi a canção Hi Ho Silver para uma série televisiva de 1986, que alcançou o n.º5 do top britânico A sua voz foi usada para outras canções populares de outros artistas, em especial de caridade tais como Sailing na banda Rock Against Repatriation, You'll Never Walk Alone com a
banda The Crowd e Let It Be com Ferry Aid.
Diamond ainda trabalha como artista, há mais de trinta anos ele tem liderado várias bandas e cantado a solo.
Ele iniciou a sua carreira musical com a idade de quinze anos numa banda formada por ele 'The Method'. Isto foi descoberto devido a uma entrevista recente
com Jim Diamond em Chatshow.net.
Mais tarde fez vária turnés pela Europa com outra banda Gully Foyle.
Gravações raras suas na banda Gully Foyle foram recentemente descobertas
através da Internet.
Jim seria mais tarde descoberto por Alexis Korner considerado o "Avô do Blues Britânico", tendo estado na banda de Korner um par de anos. Diamond fez parte dos coros de muitas das canções de Korner, tendo participado na maioria das faixas do álbum The Lost Album daquele artista.
Em 1976, deixou Korner para formar a banda Bandit , uma banda formada por vários membros entre os quais Cliff Williams que faria mais parte da banda AC/DC. Foi uma banda sem sucesso, porque o punk dominava nessa altura e
eles não eram desse género musical.
Diamond aventurou-se para os Estados Unidos da América, mais exa(c)tamente para Los Angeles para formar o duo Slick Diamond com Earl Slick. Ele aí esteve uns tempos gravando e oferecendo canções para uma banda sonora.
No ano de 1982 volta ao grande público, quando ele formou a banda Ph.D (Phillips, Hymas e Diamond), Diamond era o vocalista, Tony Hymas era pianista e teclados e Simon Phillips era o baterista. A banda assinou um contrato com a gravadora/editora WEA Records e o seu maior sucesso (vendeu milhões de cópias) foi I Won't Let You Down. A canção foi um enorme sucesso e tornou-se um clássico e por vezes é tocado em várias estações de rádio pelo mundo fora..
Em 1984,lançou um disco a solo, que foi um enorme sucesso, o já referido
I Should Have Known Better, outro clássico que por vezes é tocado como um dos temas representativos da década de 1980. Em Maio de 1986, alcançou o nº5 do Reino Unido graças ao tema Hi Ho Silver para a série televisiva Boon . Diamond não compôs o tema especialmente para a referida série, mas tinha sido dedicada ao seu pai que tinha falecido no ano anterior.
No Brasil teve duas músicas em trilhas sonoras de novelas: "I Should Have Known Better" foi tema da novela A Gata Comeu e "Remember I Love You" marcou presença na trilha internacional da novela De Quina Pra Lua.
Em 2005, Diamond publicou o seu primeiro álbum estúdio em onze anos intitulado Souled and Healed e dois singles: 'When You Turn'. e 'Blue Shoes'.



Discografia

1985 Double Crossed (A&M)
1986 Desire for Freedom (A&M)
1988 Jim Diamond (Teldec)
1993 Jim Diamond (Polydor)
1994 Sugarolly Days
2001 Jim Diamond - Best Of, The (Spectrum)
2005 Souled and Healed (Hypertension)

Singles

1976 Clean Up The City/Back On The Line (Bradley)
1984 I Should Have Known Better (A&M)
1985 I Sleep Alone At Night (A&M)
1986 Hi Ho Silver (A&M)
1986 Young Love (Carry Me Away) (A&M)
1988 Broadway (Teldec)
1993 Not Man Enough (Polydor)
1994 Caledonia (Heartland)
2005 When You Turn (Hypertension)
2006 Blue Shoes (Hypertension)

"PATRICK SWAYZE"


Patrick nasceu em 18 de Agosto de 1952, Houston, Texas. Dessa terra encravada no meio da areia e do petróleo até a fama em Hollywood foram muitos quilômetros de suor e determinação.
Filho de um engenheiro e de uma dançarina e coreógrafa, foi criado com mais quatro irmãos, Patrick fez de tudo para assegurar ao seu pai que seria pelo menos um dos melhores. Para isso, se dedicou com afinco ao balé clássico, violino, ginástica, natação, futebol americano. Vem daí a versatilidade de Patrick, que além de atuar, compõe músicas, canta e coreografa a maioria de lutas e danças de seus filmes. Apesar do balé ser sua grande paixão, Swayze ingressou no Houston’s Alley Theatre, que o despertou para o ofício de representar. Em 1972, depois de um breve período com o Bufallo Ballet de Nova York, Patrick resolveu se mudar para a metrópole, depois de ter conseguido uma bolsa para estudar em uma das mais importantes companhias nova-iorquinas. Quatro anos depois, Patrick era o principal bailarino da Eliot Feld Ballet e estava a ponto de realizar uma grande façanha: o coreógrafo Feld, dono da companhia, acabara de preparar uma peça para seu primeiro bailarino contracenar com a estrela do balé russo, Mikhail Baryshnikov. Foi quando o azar bateu à porta de Swayze: uma velha contusão dos tempos do futebol americano no ginásio se manifestou novamente e de forma catastrófica: o bailarino correu o risco de ter que amputar a perna. O medo de ficar aleijado o obrigou a tomar a séria decisão de abandonar o balé clássico.

Experimentou seu primeiro sucesso como protagonista no musical “Dirty Dancing - Ritmo Quente” (1987), ao lado de Jennifer Grey (cujo pai, Joel, protagonizava “Goodbye Charlie”).



O ator faleceu no dia 14 de Setembro de 2009, aos 57 anos, após uma batalha de quase dois anos contra um cancro no pâncreas. Antes de saber da doença, o ator disse que num primeiro momento pensou estar a sofrer de indigestão crónica. Quando os sintomas pioraram, ele procurou seu médico. Foi feita uma biópsia, e o diagnóstico foi câncer.
“A quimioterapia é um inferno na terra, não importa como você a represente”, disse o ator na época, em entrevista ao jornal “The New York Times”. “Como você faz para promover uma atitude positiva quando todas as estatísticas dizem que já é um homem morto? Você vai trabalhar”.
Sua assessora de imprensa, Annet Wolf, confirmou a morte do actor de “Dirty dancing” “Ghost” e “Crepusculo de Aço” e disse que ele estava ao lado da família.

“Patrick Swayze descansou em paz hoje, com sua família a seu lado, após encarar os desafios da doença durante os últimos 20 meses”, disse Wolf, em comunicado.

"BILL MEDLEY"


Thomas William "Bill" Medley (nascido em 19 de setembro, 1940) é um cantor e compositor americano, mais conhecido por integrar a dupla The Righteous Brothers e duetos com Jeniffer Warners nos anos 80 .
Ele conheceu seu parceiro,Bobby Hatfield,na universidade em long beach no estado da Califórnia.A dupla começou a cantar como um duo em 1962.Seu primeiro hit foi "You've Lost That Lovin 'Feelin' ficando em primeiro lugar das paradas de sucesso dos Estados Unidos e Reino Unido", produzido por Phil Spector em 1964.
A dupla se separou em 1968, mas seus sucessos eternizados para sempre,Medley também teve uma carreira solo de sucesso foi convidado para fazer os vocais da trilha sonora do filme Imperador do Norte de 1973,Em 1984 e 1985,emplaca cinco singles nas paradas country dos EUA, sendo "I Still Do" a principal.
Em 1987, seu dueto com Jennifer Warnes ," (I've Had) The Time of My Life ", foi incluído na trilha sonora do filme Dirty Dancing que lhe rendeu o 1#lugar na Billboard Hot 100 Americana.A canção também ganhou em 1988 o Grammy Award para Melhor Performance Pop e um oscar de melhor canção.Medley também gravou duas músicas para a trilha sonora do filme Rambo III com Sylvester Stallone em 1988 e "Up Where We Belong" do filme a força de um destino de 1982.

"F.R. DAVID"


F. R. David é o nome artístico do cantor franco-tunisino Elli Robert Fitoussi, (Menzel Bourguiba, Tunísia, 1 de Janeiro de 1947- ) .
Durante os inícios da década de 1970, ele foi membro da banda de rock francesa Les Variations. As suas linguagens de marca são os óculos de sol e a guitarra, uma guitarra branca Fender Stratocaster). O seu maior êxito internacional foi Words (Palavras) que atingiu o top vendas de todo o mundo (vendeu 8 milhões de cópias): primeiro na Europa (nos finais de 1982) e em 1983 nos Estados Unidos da América, onde alcançou o 2.º lugar) e países latino-americanos. Esta canção era uma balada. F.R, David, não ficou encostado ao sucesso e continuou produzindo outros discos, que contudo não tiveram o sucesso de Words. O single Good Times também foi um grande sucesso em 1985 . No Brasil, fez sucesso como um dos temas da telenovela Ti Ti Ti, da Rede Globo de Televisão no mesmo ano). Outro hit que marcou no Brasil foi a balada sahara night que fez parte da novela Roda de Fogo de 1986.





Discografia

Words (1982)
Long Distance Flight (1984)
Reflections (1987)

Singles

Words (1982)
I Need You (1983)
Pick Up The Phone (1983)
Music (1983)
Play A Little Game (1983)
Gotta Get A Move On (1983)
Sand Dunes (1983)
Dream Away (1983)
Sahara Night (1986)
Don't go (1987)
I'll Try To Love Again (1992)

Compilações

Greatest Hits (1991)

"SECRET SERVICE"


Secret Service foi uma banda sueca dos anos 80.
Em 1979, Ola Håkansson, ex-vocalista do grupo Ola & the Janglers e então um publicitário da Sonet Records, juntou-se a Tim Norell e Ulf Wahlberg para escreverem algumas canções, que mandaram para o Melodifestivalen, um popular festival de canções sueco. Eles não venceram, mas resolveram continuar trabalhando juntos e mudaram o nome de Ola+3 para Secret Service. Ao lado de Ola Håkansson (vocal), Tim Norell e Ulf Wahlberg (teclados), a formação original incluiu Tony Lindberg (guitarra), Leif Paulsen (baixo) e Leif Johansson (bateria).
Norell escreveu com Håkansson a maioria das canções da banda, no entanto não apareceu com eles no palco ou nas capas dos discos. O primeiro compacto do Secret Service, "Oh Susie" se tornou um sucesso na Suécia e vários outros países da Europa e na América Latina. O álbum de mesmo título incluiu "Ten O'Clock Postman", ganhou disco de ouro na Escandinávia. Outros sucessos se seguiram, como "Flash in the Night" (1982), alcançando as primeiras posições em toda a Europa continental. Em meados dos anos 80 Norell e Håkansson começaram a escrever e produzir canções para outros artistas. O dueto de Ola Håkansson com a ex-ABBA Agnetha Fältskog, "The Way You Are", ganhou o compacto de ouro na Suécia.

Em 1987, Håkansson, Norell e Wahlberg lançaram Aux Deux Magots, seu último disco como Secret Service. Os demais membros deixaram a banda e foram substituídos pelo multi-instrumentista Anders Hansson e o baixista Mats A. Lindberg. Hansson se tornaria parceiro de Håkansson e Norell no que seria conhecido como O Megatrio, um equivalente sueco do Records como uma joint-venture da PolyGram. Eles produziram bandas como Army of Lovers e The Cardigans, entre outros.

Membros

Ola Håkansson - vocal
Ulf Wahlberg - teclados
Tonny Lindberg - guitarra
Leif Paulsén - baixo
Leif Johansson - bateria



Discografia

Oh Susie , 1979
Ye Si Ca , 1980
Flash in the Night, 1981
Cutting Corners, 1982
Jupiter Sign, 1984
When the Night closes in, 1985
Aux deux Magots, 1987
Top Secret - Greatest Hits, 2000

"THE STYLE COUNCIL"


Banda dos anos 80, formada por Paul Weller e Michael Talbot marcada pela sofisticação, pelo ecletismo, e pela riqueza musical em um ritmo onde não há como rotular apenas como Pop, Blues, Jazz ou Soul.
A todos que conheceram , bem vindos, e aos mais novos conheçam a riqueza musical desse ícone dos anos 80.

segunda-feira, 9 de maio de 2011

"MOTLEY CRUE"


Mötley Crüe é uma banda estadunidense de heavy metal criada em Los Angeles, Califórnia em 1981.
A banda foi formada pelo baixista Nikki Sixx
(que estava envolvido numa banda chamada London) e pelo baterista Tommy Lee, mais tarde entraram o guitarrista Mick Mars e o cantor Vince Neil.
Mötley Crüe vendeu mais de 80 milhões de álbuns em todo o mundo.
Freqüentemente, a banda é conhecida pelo estilo de vida de seus integrantes:
Todos tem muitas passagens pela polícia, passando tempos na cadeia por conta de seus vícios em bebidas, drogas e por fugirem com mulheres. O nono álbum de estúdio da banda, Saints of Los Angeles, foi lançado em 28 de Junho de 2008, enquanto estava sendo filmado uma adaptação da Autobiografia da banda, que foi lançada em 2009.

(1981-1983)

Mötley Crüe foi formado em 17 de Janeiro de 1981 quando o baixista Nikki Sixx saiu da banda London e começou a ensaiar com Tommy Lee e com o vocalista/guitarrista Greg Leon..Lee tinha trabalhado antes com Leon numa banda chamada Suite 19 e o trio continuou ensaiando e praticando até que eventualmente, Leon decidiu parar.
O baixista e o baterista começaram a procurar por novos membros. Sixx and Lee encontraram um novo guitarrista, Robert "Mick Mars" Deal. Mars foi ouvido e depois foi contratado por Sixx e por Lee. Mars tinha tocado numa banda, White Horse, quando um dos membros da banda denominou o grupo de "a motley looking crew.". Ele se lembrou da frase e depois copiou isso para usar como nome para a banda: Mottley Cru. Falando rapidamente a palavra, fica 'Mötley Crüe', e foi esse o nome escolhido para a banda, também para homenagear a cerveja alemã, que os membros bebiam no momento. Lee conheceu Neil na escola Royal Oak H.S. (Ensino Médio) em Covina e tocaram em duas bandas de garagem. Vendo sua performace na banda Rockandi (pronuncia-se Rock-Candy), Neil fez um ansioso teste e foi aceito foi Lee.
O primeiro álbum deles era uma produção independente chamada Too Fast For Love, que foi produzida pela Lethur Records. O álbum vendeu 20 mil cópias. Logo em seguida eles assinam um contrato com a Elektra Records, que melhorou e remixou o álbum. Assim o álbum tingiu a a marca de platina e a banda partiu em turne
Em 1983 lançam o novo álbum, Shout at the Devil, que apresenta hits de alto nível como "Looks That Kill", "Ten Seconds To Love" e "Too Young To Fall In Love". É nessa mesma época que os Mötley Crüe ganham fama de desordeiros. Vince Neil, vocalista da banda, depois de uma bebedeira, se envolve em um acidente de carro que acaba matando seu amigo Nicholas Dingley então baterista do Hanoi Rocks. Vince é preso, paga fiança(por sinal nada barata) e presta serviços comunitários pelo ocorrido.

1984-1991

Depois de tocar no US Festival e de lançar um novo clipe na MTV, a banda começa a decolar. E com isso vieram as groupies, com quem sempre fugiam. Fizeram muito sucesso pela sua maquiagem extravagantes, roupas ultrajantes, botas altas e pelo consumo de bebida, que era enorme. Depois do Shout at the Devil de 1983, lançaram o clássico Theatre of Pain em 1985 e em 1987, lançaram outro clássico, Girls, Girls, Girls. Os últimos álbuns, mostrava um Mötley Crüe com motos, whiskey e stripers.
O Mötley Crüe continua sua carreira e lança novos álbuns , mais sem grande acontecidos. Na fase de maior sucesso deles então Nikki Six sofre uma overdose e eles são obrigados a cancelar uma turnê. No ano seguinte os Mötley Crüe têm férias forçadas devido todos seus integrantes estarem em clinicas de recuperação de drogados.
Em 1989 eles lançam um novo álbum Dr. Feelgood mais agressivo e pesado. Um dos seus maiores hits aparece aí "Kickstart My Heart", Hit Composto em inspiração a overdose de Nikki Sixx, Em seguida lançam Decade of Decadence sem muita repercussão e então sai o vocalista Vince Neil e entra John Corabi.

1992-2003

Em 1994 eles lançam mais um álbum intitulado Mötley Crüe que não faz muito sucesso. Vince Neil volta e eles gravam mais um álbum em 1997, o Generation Swine que também foi muito criticado apesar de ter vendido bem. A banda não estava mais com aquele fôlego de antes.
Em 1998 o contrato com a Elektra Records se acaba. Então a banda criou seu próprio selo, o Mötley Records. Os Mötley Crüe continuam na ativa mas estão mais na mídia devido aos problemas com drogas ou problemas amorosos do que pela música que eles ainda fazem. Em 1998 o baterista Tommy Lee chegou a ser preso por agredir a sua ex-mulher e atriz Pamela Anderson. Em 2000 lançaram o álbum New Tattoo.

2004-presente


Nikki Sixx e Mick Mars tocando na em Glasgow, Escócia em 2005.
Foto: Alec MacKellaig.
A banda volta a se reunir em 2004 e lança a coletânea Red, White & Crüe. Anunciaram que voltaram aos estúdios para gravar um novo disco e em 2008, sai o nono álbum do Mötley Crüe, Saints of Los Angeles, onde a banda parece voltar das cinzas, mas percebe-se claramente que não é o mesmo Mötley Crüe dos anos 80.

Formação atual e clássica

Vince Neil - vocal, harmônica e vocal de apoio
Nikki Sixx - baixo, teclado e vocal de apoio
Mick Mars - guitarra, guitarra rítmica, violão e vocal de apoio
Tommy Lee - bateria, percussão, piano e vocal de apoio

Outros membros

John Corabi - vocal e guitarra
Randy Castillo - bateria, percussão e vocal de apoio
Samantha Maloney - bateria, percussão e vocal de apoio

Discografia

1981: Too Fast for Love
1983: Shout at the Devil
1985: Theatre of Pain
1987: Girls, Girls, Girls
1989: Dr. Feelgood
1994: Mötley Crüe
1997: Generation Swine
2000: New Tattoo
2008: Saints of Los Angeles

Compilações

1991: Decade of Decadence
1998: Greatest Hits
1999: Supersonic and Demonic Relics
2003: 20th Century Masters - The Millennium Collection: The Best of Mötley Crüe
2003: Music to Crash Your Car to: Volume 1
2004: Music to Crash Your Car to: Volume II
2005: Red, White & Crüe